Pages

sexta-feira, junho 11, 2010

mil mulheres

 
 

 
 
 
Mil mulheres
sou eu
nascendo e morrendo.

Mil mulheres
em mim vivendo,
inventando.

Mil mulheres
comigo dançando
em luas negras.

Mil Mulheres
e eu
nas faces da lua

Mil mulheres
todas juntas
nas noites de luar
Em mim habitam
Mil mulheres
E a cada uma acolho

Habitam em mim
cada uma daquelas 
que por aqui outrora pisaram


Habitam em mim
E comigo compartilham
o que sentiram e viram


Mil mulheres há em mim
Todas hoje dançam e celebram
o que se revela em noites
noites como esta


Mil mulheres com seus sonhos
erigindo pontes entre eles
e os sonhos de outras
Mil mulheres que habitam
naquelas que como eu
hoje comigo celebraram




Luciana Onofre


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe suas palavras



Textos e imagens aqui elencadas e publicadas refletem minha crença, minhas opiniões. Assim peço sejam respeitados como tal. Lembremos que incorrer em desrespeito público para com assuntos desta índole pode derivar em ações legais.

Luciana Onofre

Share |

)O(

“La Diosa que hay en mi, contempla a la Diosa que hay en ti”